Pindamonhangaba perde Mestre da Cultura D. Tereza - Vale em Ação
  • 25 de janeiro de 2022 02:10
Actions
Artes-gráficas-banner-topo
Anuncie-aqui-vale-em-ação

Pindamonhangaba perde Mestre da Cultura D. Tereza

Pindamonhangaba perdeu na quinta-feira (30 de dezembro) a Mestre Benzedeira da Cultura Viva Maria Tereza de Jesus Teixeira, conhecida como D. Tereza. Natural de Pinda, ela nasceu no bairro do Goiabal, e começou a benzer ainda criança, aprendendo com sua mãe, que aprendeu com sua avó as orações.

Divulgada lista de convocação para provas de aptidão das Etecs

Ela se dizia rezadeira e contava que sua mãe a ensinou a benzer utilizando um copo de água e brasa de fogo. Se a criança estivesse com quebrante, a brasa afundava. Depois de casada ela aprendeu a benzer também “bicha”, quebrante, ódio, inveja, ambição, malefícios e espíritos ruins, usando um ramo de arruda, alecrim ou guiné, em alguns casos indicando também banhos ou chás. Perdeu as contas do número de pessoas que já foram bentas, suas orações atravessaram gerações, onde atendeu crianças que quando cresceram levaram seus filhos, netos e bisnetos.
Nunca cobrou nada para benzer ninguém, sempre benzeu por amor, carinho, compaixão e fé.
Faleceu aos 88 anos, completos dia 2 de novembro e foi sepultada em Pindamonhangaba. A Prefeitura de Pindamonhangaba, por meio da Secretaria de Cultura e Turismo, lamenta a morte e se solidariza com os familiares e amigos.
Saiba mais sobre a Dona Tereza no Museu da Pessoa, acessando o link
https://acervo.museudapessoa.org/pt/conteudo/video/rezadeira-pela-mao-de-minha-mae—dona-maria-thereza-de-jesus-teixeira-177062

Iniciar conversa
Estamos online