Expo Diversos Apresenta Obras que Abordam a Pluralidade da Cultura Brasileira

Notícia publicada em: 21 de maio de 2024

Com o objetivo de promover o debate democrático, educativo e sensível sobre a pluralidade da sociedade brasileira, por meio do pensamento crítico, da empatia e do acolhimento, a Expo Diversos pode ser visitada gratuitamente no Museu Histórico e Pedagógico Dom Pedro I e Dona Leopoldina, de terça-feira a domingo, das 9h às 17h, até o dia 2 de junho.

De caráter itinerante, a Expo Diversos é formada por 21 obras de 14 artistas brasileiros que traduzem diferentes histórias e vivências. Realizada pela CEC Brasil com patrocínio da Novelis e Ball Corporation – líder mundial em embalagens sustentáveis de alumínio –, via Lei de Incentivo à Cultura do Ministério da Cultura, a exposição tem curadoria de Bianca Bernardo e Vera Nunes.

Novas Oportunidades de Emprego Disponíveis no PAT Pindamonhangaba 21/05/24

Inspirada no livro Diversos, lançado em 2019, que traz fotografias e relatos de artistas que abordam a diversidade em toda a sua amplitude artística e cultural, a exposição homônima é aberta para pessoas de todas as idades com uma proposta educativa sobre as diferenças existentes na coletividade e a cultura de paz. A versão gratuita do livro Diversos pode ser acessada no site: Livro Diversos.

“A Expo Diversos não captura a totalidade das perspectivas sobre diversidade, dada a singularidade intrínseca à condição humana. A iniciativa visa oferecer um recorte cuidadoso e modesto de memórias e narrativas de indivíduos diversos do Brasil, fomentando os direitos humanos e reconhecendo a pluralidade de visões que se traduzem em obras artísticas e diálogos enriquecedores”, ressalta Kaline Vânia, diretora da CEC Brasil.

“O propósito dessa curadoria composta por tantas histórias e pessoas diversas é proporcionar um esperançar para esse momento do mundo. Esse esperançar do Paulo Freire, de se juntar a outros e fazer de forma diferente. Queremos proporcionar um ambiente seguro, de experiências, de viver e conviver com pessoas. Somos frutos de diferentes histórias e tudo o que a gente quer é que as pessoas possam fluir do jeito que elas são e sejam respeitadas dessa forma”, afirma Vera Nunes, uma das curadoras da exposição.

Para a também curadora da Expo Diversos, Bianca Bernardo, a mostra é uma plataforma de discussão, de aprendizagem e de compartilhamento de experiências sobre a diversidade, a partir da arte e da pauta dos direitos humanos no Brasil. “O tema principal é a diversidade, sendo tratada a partir dos direitos humanos e da importância de legitimar os espaços de respeito, para a construção do entendimento da igualdade a partir das nossas diferenças”, diz.

Autor da obra “O sol é para todos, mas a terra não!”, o artista visual, compositor e poeta Novíssimo Edgard avalia que o tema da mostra, por si só, já causa um impacto fantástico. “A Expo Diversos é um espaço que contribui para fazer as pessoas terem acesso à arte e perceberem que a diversidade pode ser um tema, não só pensando em gênero e raça, mas também na sensibilidade de pessoas que têm autismo, entre outras dificuldades, numa sociedade que nem a nossa, toda padronizada. E o fato de ela ser itinerante é genial porque ela vai ter esse sopro de vida que vai continuar a passar por outros cantos, o que é inspirador e renovador”.

Com sua sede sul-americana localizada no Vale do Paraíba, a Ball acredita no poder da arte como ferramenta para levar mensagens importantes a cada vez mais pessoas. “A arte é uma ferramenta poderosa para transmitir mensagens sobre temas cruciais, como a diversidade, assunto que valorizamos muito na Ball como uma empresa global, que abrange diversas línguas, culturas e métodos de trabalho. Por isso, estamos extremamente orgulhosos de apoiar a Expo Diversos, pois acreditamos firmemente em celebrar a variedade de indivíduos e promover um senso de inclusão”, afirma Suellen Moraes, Gerente de Diversidade & Inclusão da Ball na América do Sul.

Para garantir a acessibilidade da exposição para os visitantes, as obras poderão ser acessadas por meio de QR Code com áudios descritivos e placas técnicas em braille. A Expo Diversos estreou em São Paulo e, após Pindamonhangaba, segue para o Rio de Janeiro, Brasília e São José dos Campos.

Pindamonhangaba Sedia a Expocomics, a Maior Feira de Cultura Nerd do Vale do Paraíba